Pesquise no blog:

Carregando...

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Foco no bem...


"Foco no bem, é lindo dia para você!
Quando repito essa frase meu coração se acalma. Foco no bem não é coisa de gente alienada. Nós sabemos da dualidade do nosso planeta. Do claro/escuro, bem/mal, certo/errado, homem/mulher, forças complementares. 
Foco no bem sugere apenas que você conectado ao seu espiritual veja o bem em tudo, inclusive nas coisas complicadas que por vezes acontecem na nossa vida. 
Foco no bem confirma a conexão com Deus que tudo sabe, tudo vê, tudo pode.
Muita luz para você, e foco no bem."

Maria Silvia Orlovas
imagemdaqui


As paisagens de dentro...



“A alma é uma paisagem. Ou melhor, paisagens. Paisagens são feitas com campos, florestas, montanhas, rios, mares, nuvens – ‘coisas’ que existem fora de nós, que os sentidos percebem e nós lhes damos nomes. As paisagens da alma, entretanto, não são feitas de ‘coisas’. São feitas de sentimentos. E os sentimentos, não temos como dizê-los, os sentidos não conseguem fotografá-los. Então um ‘artista’ que mora dentro da gente, o tal de Inconsciente, lança mão de um artifício: ele veste os sentimentos da paisagem de dentro com as coisas da paisagem de fora. Um medo muito grande aparece como um precipício; o tédio se parece com uma chuva persistente em meio as brumas; Vingança? Um tigre; A perda de um amor? Um velório. E a experiência de liberdade? Você nunca voou nos sonhos? Dessa forma, o ‘artista’ torna visíveis as paisagens da alma por meio de metáforas. O ‘artista’ além de ser pintor é também poeta. Os sonhos são efêmeras visões das paisagens da alma, as paisagens que fazem a nossa pele do lado de dentro, o lado do coração. Quando a gente vê uma paisagem de fora e se emociona, a emoção não vem da paisagem de fora. Vem é da paisagem de dentro. Geralmente se pensa que a função dos psicanalistas é curar doenças da alma….O que acho é que eles são os guias que nos levam a visitar as paisagens da alma que nós mesmos desconhecemos. Bosques escuros, mares profundos, montanhas cobertas de neve, campos floridos, cemitérios…Essa aventura nos conduz por experiências de tristeza e beleza. E isso nos torna mais sábios. A sabedoria é uma forma de cura.” 


Rubem Alves
imagem: Christian Schloe


Dedico esse texto a todos os artistas que se aventuram no mundo das tintas...e aos que apreciam essas aventuras...Principalmente para minha amiga Lelê!
Bom Dia! ;)

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

A plena atenção...



Quando você anda, se sabe que está dando um passo e está plenamente consciente de cada passo, isto é chamado de plena atenção no caminhar.
Quando bebe chá, se fica com seu chá cem porcento e não se permite ser empurrado de volta ao passado, ao futuro ou aos seus pensamentos, então está praticando plena atenção no beber o chá.
Plena atenção é a energia que te ajuda a saber o que está acontecendo aqui e agora, que te ajuda a reconhecer o momento presente como seu verdadeiro lar e saber que as maravilhas da vida estão aqui. Inspirando, sei que o brilho do sol está presente.
Expirando, sei que as folhas do outono estão caindo.
Plena atenção é a energia que nos ajuda a estar consciente do que está acontecendo.

Thich Nhat Hahn
imagemdaqui


terça-feira, 25 de novembro de 2014

5 sinais que você não se respeita



1. Você sente ciúmes da felicidade, do sucesso e dos relacionamentos das outras pessoas


Quando uma pessoa está bem consigo mesma, ao deparar-se com  alguém que tem coisas que ela deseja, a reação tende a ser de admiração e respeito. Arregalam-se os olhos e a atenção fica toda voltada para alguém que conquistou algo desejável e tem muito a ensinar. Olhamos essa pessoas como uma inspiração a ser seguida.
Entretanto, quando a pessoa tem a estima baixa, ao ver alguém que possui qualidades que ela deseja (ou pensa que deseja), a reação é de ciúmes, sentimento de injustiça (como se todo mundo tivesse o que ela quer, menos ela) e até mesmo raiva.
A sensação de ciúme pode ser tão intensa que pode se transformar em ódio e a pessoa pode ter vontade de destruir o que o outro tem. Mas, na verdade, todo esse ódio está em si e em sua cegueira para enxergar seus próprios potenciais.
PS: um pouquinho de ciúme é saudável, a falta de respeito e amor próprio reside na intensidade.

2. Você mente mais do que deveria

Aqueles que cronicamente usam de mentiras para mascararem suas realidades muitas vezes estão buscando a aprovação e a aceitação dos outros.
Quando a pessoa está bem, a aceitação e a aprovação das pessoas estão constantemente acessíveis, pois elas vem de dentro e, mesmo que a pessoa ouça algo que não é tão legal, no fundo ela sabe que tem valor e que, se for o caso real, pode melhorar porque quer. Em um estado de auto-julgamento negativo, no entanto, a pessoa sente pouca aprovação e sua mente está subconscientemente se apegando a qualquer informação que possa "valorizar" um conceito pessoal com uma "pequena" mentira. Ou seja, enfeita-se o externo, mas o interno não se aceita.
Agindo assim, você pode perder sua integridade em troca de algumas sobrancelhas levantadas. Mas não se preocupe, esse padrão é facilmente corrigido e não tem que se tornar patológico! Preste atenção a quem você realmente precisa agradar!

3. Você acha difícil se exercitar, comer bem, ou quebrar maus hábitos

Quando você ama alguém, você não quer machucá-lo.
Você nunca coloca cigarros ou rosquinhas na boca do seu bebê recém-nascido.
Você nunca priva o seu cão de estimação de sua caminhada diária. (espero)
Quem se ama, sabe que é necessário parar e se envolver nos rituais diários de alimentação e cuidados com suas mentes e corpos. Estes rituais são conseqüências naturais da bela amizade consigo mesmo.
Se você achar que é difícil cuidar de si mesmo, talvez você precisa ter um momento para se apaixonar por si mesmo. Quem se ama, se cuida.

4. Você só se sente feliz quando tudo está indo bem.

Isto pode parecer uma coisa perfeitamente normal. Por que você seria feliz quando as coisas não estão indo bem?
Acontece que isso é exatamente o que acontece com as pessoas que tem uma estima boa.
Pense na sua vida como uma aventura. Se você é louco por seu parceiro de viagem, o avião pode atrasar e a comida pode ter gosto de papelão e você ainda vai aproveitar. Você vai dar risada falando sobre isso. Por outro lado, se você está entediado ou insatisfeito com seu companheiro, essas pequenas coisas vão te deixar louca.
Esse é o poder de um relacionamento amoroso consigo mesmo. Quando as coisas ficam difíceis, você pode rir, dar de ombros e até se alterar um pouco, mas depois tentará novamente. Quando as coisas ficam realmente difíceis, você sabe que levará algum tempo para processar, e assegurar-se de que tudo vai ficar bem, mas vai ficar.

5. Você está se "incomodado" por exibir qualquer um dos sinais acima

 Se você está se sentindo vergonha ou temor por ter se visto como uma pessoa sem amor próprio, isso é um sinal infalível de que você já está se julgando.
Aqueles que estão com estima baixa geralmente são especialistas em estabelecer normas para si. Eles se medem em números e expectativas. Quando eles descobrem que eles não estão estão atingindo esses alvos (muitas vezes irrealistas), ficam cabisbaixos e desgostosos.
Eu sempre digo: o auto-aperfeiçoamento  sem auto-amor é como construir uma casa sobre a areia. Você pode construir e construir, mas sempre vai afundar.
Você precisa construir uma base de auto-aceitação incondicional sob essas realizações e expectativas.
Eu me considero uma sobrevivente da terrível doença da falta de amor. Entretanto, depois que eu estabeleci um relacionamento comigo mesma, eu vi a minha relação com o meu corpo, minha mente, minha família, meu parceiro, meu passado - com tudo e todos os outros - melhorar drasticamente.
Vivemos em uma época onde todo mundo está sempre tentando corrigir seus próprios erros, mas se esquecem de que a coisa mais importante que podemos sempre corrigir é a linha de comunicação entre o nosso coração, nossa mente e nosso espírito.
Agora, sobre a você. 
O que você vai fazer para se amar mais?

Por Vironika Tugaleva 
Fonte: psiconlinebrasil
imagem: Anne Baxter

Co-criando em seu melhor...


Você cria a sua própria realidade e o faz porque os pensamentos que você está pensando fazem com que você emane uma frequência vibracional à qual a Lei da Atração está respondendo constantemente. E, assim, em todos os momentos de vigília, você está criando seu próprio ponto de atração e tudo o que você vivencia está vindo para você por causa de sua emanação vibracional e a resposta da Lei da Atração a essa vibração. É como se você estivesse em pé sobre um tipo de disco vibracional e apenas as coisas de mesma vibração podem se juntar a você em seu disco. Seu disco muda dependendo dos pensamentos que você está pensando e das emoções que você está sentindo.

Abraham
Do livro 'Co-criando em seu melhor', dos Abraham, em 13/Nov/2013 
imagemdaqui




Flor do dia


“Confiança é uma das principais virtudes a serem desenvolvidas no caminho espiritual. Mas, não é possível fabricar confiança com a sua cabeça, assim como não é possível fabricar firmeza, lealdade, humildade, perdão e gratidão. Essas virtudes são frutos da árvore da consciência. Se você ainda não tem uma árvore, ou se sua árvore não está em condições de dar frutos, não se desespere, trabalhe para ampliar sua percepção através da auto-observação e da prática espiritual, pois é assim que você expande a consciência.”

Sri Prem Baba
imagemdaqui

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Não se defenda...


Ocupe-se de si mesmo, não se defenda. Quando tenta defender-se, está a dar demasiada importância às palavras dos outros, a dar mais força à agressão deles. Se aceita não se defender, mostra que as opiniões dos demais não o afetam que são simplesmente opiniões, e que não necessita de convencê-los para ser feliz. O seu silêncio interno torna-o impassível. Faça uso regular do silêncio para educar o seu ego, que tem o mau costume de falar o tempo todo. Pratique a arte de não falar. Tome algumas horas para se abster de falar. Este é um exercício excelente para conhecer e aprender o universo do Tao ilimitado, em vez de tentar explicar o que é o Tao.

Sabedoria do Silêncio Interior - Texto Taoísta
imagemdaqui

Tentando...difícil...mas...

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Tudo que se emana volta inevitavelmente...


"Todo apego é medo e todo medo gera perda. Tudo que se emana volta inevitavelmente. Mais cedo ou mais tarde. Toda ansiedade é medo do futuro. E todo medo traz de volta exatamente o que a pessoa tem medo que aconteça. Tem um versículo que diz: “Aquilo que eu mais temia aconteceu”. É lógico. Um campo eletromagnético só pode atrair o que tem nele. Toda pessoa é um campo eletromagnético, portanto, pensou e sentiu, virá para você. Não importa o que seja. Toda pessoa é um co-criador. Acredite ou não. Saiba disto ou não. Atrairá para si exatamente o que tem na consciência."

Hélio Couto
imagemdaqui

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Sempre que se deparar com críticas...


"Sempre que se deparar com uma crítica, pare e pense: "O que importa é o que eu sinto, não o que essa pessoa sente. O importante é o que eu ouço, não o que o outro fala. O essencial é o que eu penso, não o que o fulano ou o sicrano pensam. Dou valor àquilo que realmente sinto. A natureza me fez responsável por mim e assim o serei - para sempre!". 

Luiz Gasparetto
imagemdaqui

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Deixar o passado ir...



Todos nós fomos machucados em algum momento de nossas vidas. Todos nós já tivemos nossos sonhos frustrados, nossas esperanças dizimadas e nosso amor próprio massacrado. Não somos, em nada, diferentes uns dos outros em nossas fragilidades e vulnerabilidades.

O jogo parece ser, apenas, não permitir que o que vivemos em nosso passado se arraste para nosso presente perpetuando-se sob a forma de um futuro repleto de mágoas e desesperança. Seja o que for que tenha te acontecido, permita que se manifeste no presente apenas sob a forma de aprendizados, e não como traumas, falta de crença ou desesperança.

O jogo é só esse: deixar o passado ir. Estar presente. Criar o futuro baseado no amor, e não no medo.


Flávia Melissa



Resistindo a insegurança...


Você e um parceiro trabalharam muito tempo e se esforçaram muito em um projeto. É um sucesso retumbante. Agora você está temeroso de dar crédito demais para o seu associado. Tenta calcular quem fez o quê, por causa de sua insegurança. Irá ferir o seu ego se todos pensarem que seu parceiro deu a contribuição principal para o projeto. Resista a esses pensamentos e sentimentos reativos! Entregue todo o crédito se for preciso. Abra mão por completo. Lembre-se, elogios dão prazer por um momento; a Luz fica para sempre. Não troque tudo por uma pequena gratificação do ego.

Do Livro: O Poder da Kabbalah
Pequenos exemplos práticos para resistir ao ego e tornar-se proativo.

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Tudo funciona como uma onda...


"O tempo todo você atrai aquilo que emana. Se você emana carência, voltará carência, inevitavelmente. Se você está preocupado com pagamento de dívida, atrairá mais dívidas. Se você quer saldar suas dívidas, tire o foco da dívida para desfocar do efeito zenão, paralisando o efeito da dívida na sua vida, fixando a atenção nela. 
Se você está preocupado com algo, voltará para você exatamente aquilo para sua vida. Tudo funciona como uma onda. Basta entender isso : Mandou, volta. Nós criamos a nossa própria realidade através do colapso da função de onda, o observador afeta o comportamento do elétron, porque a substância de tudo o que existe é pura consciência. Nós somos parte disso, por isso conseguimos manifestar o que queremos."

Hélio Couto em " Desvendando os mistérios da realidade"
imagemdaqui

Aprenda a não ser vampirizado energéticamente...



Para fechar os círculos de energia humanos...

Cruzar os braços e as pernas também pode ser muito protetor. Estas posições corporais agem para fechar os circuitos de energia humanos e também proteger vários chakras (energia) pontos - dependendo de onde os braços estão cruzados. A próxima vez que você estiver perto de alguém que parece estar puxando sua energia ou vomitando um monte de negatividade, sentar-se calmamente, cruzar os braços e pernas. A energia da pessoa não vai afetar você e, eventualmente, ela vai se cansar (como ela não está recebendo a sua energia estará se alimentando da própria energia) e depois é só deixá-la sozinho para o resto do dia. 

Técnica extraída do curso de Autodefesa Espiritual e Psíquica

domingo, 16 de novembro de 2014

E se o amor da sua vida chegasse hoje? hã?


Você vive mentalizando o encontro com o amor da sua vida? Leva a sério a lei da atração quando o assunto é o relacionamento que você deseja viver? Fica observando os casais felizes, andando pelas ruas de mãos dadas, e desejando ardentemente ter alguém pra ser sua companhia em todas as horas? 

Imagine se você descobrisse uma maneira de chegar lá. Sim, lá no ponto de encontro. No lugar exato onde o seu grande amor estaria a esperando... Lindo, cheiroso, bacana, bem-humorado, gentil, carinhoso, admirável. e com um sorriso iluminado, de braços abertos, chamando o seu nome. 

Muito bom pra ser verdade? Duvidou da existência desta pessoa? Talvez a questão, então, seja acreditar profunda e sinceramente nesta possibilidade. Mas, não só acreditar que uma pessoa assim, tão especial, exista mesmo. Mais do que isso, a questão que realmente importa, é você se questionar: "E eu, combino com essa pessoa? Dou conta de ser parceira de alguém com todos esses adjetivos? 

Se algum amigo seu saísse com você e a pessoa dos seus sonhos, que certamente tem essas e muitas outras qualidades, diria algo como "Nossa! Como vocês são parecidos!"? Ou seja, você - assim como a pessoa com quem deseja viver uma história de amor - também está linda, cheirosa, bacana, bem-humorada, gentil, carinhosa e admirável? Você também vive com um sorriso iluminado no rosto e de braços abertos para o amor?

Não sei quais são as suas respostas para essas perguntas, mas sei, ou melhor, tenho certeza de que é preciso antes ser como essa pessoa que você desenha para estar ao seu lado, para depois atraí-la. E o problema é que a maioria das pessoas que estão em busca de um grande amor, desses que valem mesmo a pena, esquecem de investir no ponto de partida, no motivo que vai justificar o grande encontro. 

E sabe o que é pior? Não se trata de não serem legais. Não mesmo! Trata-se de essas pessoas acreditarem que só terão motivos para serem tudo isso depois que encontrarem seu grande amor. Só que, definitivamente, essa não é a ordem que funciona! E se funcionar num primeiro momento, a tendência é que aquele que não estava pronto, perca sua chance, estrague a oportunidade. Bote tudo a perder. 

Explico: não tem a ver com sorrir na balada, mas voltar pra casa se sentindo vazio. Não tem a ver com fotos incríveis nas redes sociais, mas irritação, falta de paciência e ingratidão enquanto a câmera estiver desligada. Não tem a ver com aparência e sim com consistência, com coerência. Tem a ver com a capacidade de encontrar os motivos em seu próprio cenário, em sua própria história. 

Parece clichê, mas enquanto você não compreender, de uma vez por todas, que um amor de verdade, daqueles que valem a pena, só chega quando seu coração está preenchido e em paz, vai continuar pulando de galho em galho, em encontros tortos, pegadas frouxas e promessas que não se cumprem. 

E só você sabe como fazer isso. Só você tem a chave do cofre onde está o seu tesouro. Só você tem acesso e permissão para fazer alterações no sistema do seu coração. E é isso que vai alterar também as suas atitudes, o seu jeito de olhar o mundo, as suas escolhas, o seu poder de atração. É isso que vai tornar você a pessoa perfeita para o seu par ideal!

Rosana Braga
Fonte: STUM
imagem:google

Saia da rotina...


"Faça alguma coisa nova todo dia. Não escute a velha rotina. Se a mente lhe disser alguma coisa, diga a ela: “Isto nós temos feito sempre. Agora vamos fazer algo diferente”.

Osho
imagemdaqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...